15 comentários em “À Procura de Uma Dignidade

  1. Adorei!
    Eu realmente como uma estudante não saberei dar o valor necessarios com minhas palavras para este conta, mas posso dizer que reallmente foi bom o bastante parar querer ler outros dela mesma. Clarice Lispector é complamente sabia com suas palavras juntando exatamente na hora certa quando é preciso parar forma sua opnião e imaginação sobre esse caso que era de sempre acreditar que realmente tem uma saida para tudo.
    Gostei demais!
    Amanda M.

  2. Ótimo Conto!
    Usei ele no trabalho de Redação :D
    Espero que consiga uma boa nota, pois se dependesse só do conto, com certeza viria um 10 xD

  3. Adorei!!!!!!!!!!!!!
    eu escolhi Clarice Lispector
    para o trabalho de portugues e
    não me arrendo.
    Ela é extraordinaria
    e seus contos tambem,
    e tenho certeza que vai me da sorte!!!!!!!!!!!!

  4. adorei..
    muito legal. clarice voce esta de parabens por criar coisas assim… ameiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii

  5. Amei o conto, vou usa-lo como base para um trabalho na faculdade. Gosto da forma como as coisas se encaixam e monstram a pluricidade das coisas mais simples.

  6. Profundidade, simplicidade, cotidiano… Como Clarice utiliza elementos simples para dissecar a realidade nua e crua na cara do ser humano. Excelente!!!!!

  7. Adorei este conto , sempre ouvia algo de Clarice mas nunca parei pra ler as obras da mesma , mas hoje me deparei com o talento dela , adorei passarei a ler mais sobre suas obras .. este conto me chamou atenção pra outros , pela sua profundidade nos sentimentos..

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s