4 comentários em “O Abutre

  1. O homem como vítima do mundo, um inimigo muito superior a ele, e por isso sem defesa. Em o Abutre, Kafka repete a mesma tese de que em O Processo, O Castelo, A Metamorfose. O universo de Kafka é um labirinto sem saída, por isso o aburre adiantou-se ao senhor que pretendera ajudar. No fundo somos o abutre e a vítima. Somos o Processo e o sussurro por trás das paredes. Somos o abismo e aquele que cai.

  2. Pode-se dizer que há também uma relação muito forte com o mito de Prometeus, não só pelo fato das imagens serem muito parecidas mas também porque ambos são responsáveis pela própria desgraça ao procurar algo mais.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s